Luke Evans e Kellan Lutz são entrevistados pelo site Omelete

Kellan Lutz


Luke Evans






Em entrevista ao site Omelete, Luke Evans e Kellan Lutz, o Zeus e o Poseidon, do filme Imortais, falaram sobre como foi interpretar deuses. Confira alguns trechos da entrevista:


Vocês já conheciam alguma coisa sobre mitologia grega quando se envolveram com Imortais? Henry [Cavill] disse que sabia bastante…


Luke Evans: Ele está mentindo! Ele não sabia nada, eu tive que explicar um monte de coisas pra ele! Duas vezes! [risos] Brincadeira. Eu sabia só o básico de mitologia grega, mas algo tão antigo quanto a história de Zeus e de Poseidon; esses personagens já existem há milênios, então há muita pesquisa que pode ser feita. Nós pesquisamos coisas até demais.


Por que os fãs de mitologia deveriam ir assistir ao filme?


Lutz: Os fãs devem ir assistir a Imortais porque nós somos parte dele. [risos]


Como atores, vocês têm que incorporar uma certa humanidade em seus personagens, por mais irreais que sejam. Como foi ter que encontrar o equilíbrio entre humanidade e interpretar um deus?


Evans: Eu ignorei a divindade e me concentrei no fato de ele ser um pai, um rei, um irmão, um ditador de leis, um guerreiro, tudo isso. Foi a partir disso que eu criei o personagem. Quanto ao aspecto ‘divino’, você só tem que acreditar que as pessoas vão te ver ali e achar que você parece com um deus. O fato dele ser um deus não é muito interessante para mim. O que é interessante é mostrar as falhas dele, o lado emotivo desse personagem. O fato de que, quando ele mata seu próprio filho, ele fica sentido. Não queria que ele fosse um cara durão sentado em um trono de pedra sem sentir nenhuma emoção sobre nada.


Vocês podem falar um pouco sobre o treinamento pelo qual passaram?


Lutz: Foi ótimo fazer parte de um projeto no qual nós tínhamos uma nutricionista no set. Era essencial ficar em forma, afinal, nós estávamos interpretando deuses que podem assumir qualquer forma – e optaram pela perfeição. Nós treinávamos várias horas por dia e quando não estávamos filmando, estávamos na academia. Mas quando tínhamos que fazer as cenas de luta épicas, passávamos por vários treinos com especialistas em lutas e armas especiais. Foi ótimo quando pudemos ver o filme pela primeira vez, realmente ver como tudo foi montado.


Alguém saiu machucado?


Lutz: Sempre tem alguém que sai machucado!


Evans: Estamos todos cobertos de marcas, cicatrizes e hematomas. Mas ninguém quebrou nada. Um dos dublês perdeu um dente, só.


Fonte e via